img-fluid
7 de novembro de 2022

Qual a importância da separação do dinheiro em categorias de gastos?

Sua vida teria sido diferente se tivesse aprendido como lidar com o dinheiro desde sempre?

Editor Mozper
por 3 minutos de leitura
Categorias de Gastos para ensinar Educação Financeira para Crianças e Adolescentes

Qual a importância da separação do dinheiro em categorias de gastos?

Por Mila Gaudencio — Finanças e Investimentos

A roda da vida ficou muito conhecida nos últimos tempos por ser uma ferramenta utilizada por coaches para medir o índice de satisfação em importantes áreas da vida como:

  • Qualidade de vida: hobbies e diversão, plenitude e felicidade, espiritualidade;
  • Pessoal: saúde e disposição, desenvolvimento intelectual, equilíbrio emocional;
  • Profissional: contribuição social, recursos financeiros, realização e propósito;
  • Relacionamentos: vida social, relacionamento amoroso, família e amigos.

Ao preencher a roda, você faz uma autoavaliação de como você está em cada área e o objetivo é focar nas áreas que receberam menores notas para melhorá-las, caso esteja alinhado com seus objetivos.

Se fizéssemos esse exercício agora, quais seriam os resultados da sua roda da vida? Provavelmente não se pareceria exatamente com uma roda, já que é natural que valorizemos mais algumas áreas em detrimento de outras. Mas o que isso tem a ver com a separação de dinheiro em categorias de gastos?

Tudo! Da mesma forma que não é saudável e funcional direcionarmos todos os esforços para sermos bem sucedidos no âmbito profissional e com isso prejudicar significativamente nossas relações, por exemplo, também não é funcional gastarmos todo o dinheiro com uma única área da vida, sendo que outras demandas também precisam ser supridas. Imagina gastar todo o dinheiro com lazer e entretenimento e não sobrar dinheiro para pagar as contas básicas de casa? Para tudo na vida é preciso equilíbrio e com as finanças não é diferente. Antes de falar de gastar e ganhar, vamos falar de poupar?

Poupar

Implementar o hábito de poupar antes de gastar desde criança é um grande presente para a vida financeira do seu filho, pois essa é a maior dificuldade dos adultos que não tiveram educação financeira na infância.

A frase repetida pelos adultos é mais ou menos assim: “Mas não sobra para poupar”.

Se a criança aprender desde cedo que ela precisa poupar antes de gastar, esse hábito já estará implementado e ela não terá essa “disfunção” que adultos que não tiveram educação financeira na infância carregam para a vida adulta.

Agora, vamos falar da categoria dos gastos. Sabendo que ao manter o equilíbrio é possível alcançar uma melhor qualidade de vida e ajuda a tomar melhores decisões em situações desafiadoras, a Mozper, plataforma financeira educativa divide os gastos em 5 categorias:

1. Alimentos

Para comprar o lanche, pedir um delivery, pagar um jantar num restaurante, fazer compras no supermercado para reunir os amigos em casa para uma noite de pijama e a criança ter o prazer de pagar com o seu cartão, legal né? Além de passar a responsabilidade maior para as crianças.

2. Roupas

Para montar aquele look super legal e garantir a autonomia das crianças e adolescentes na hora de escolherem as roupas conforme seu próprio gosto.

3. Entretenimento

Para um novo videogame, um livro ou para se divertir com uma sessão de cinema ou show.

4. Saques

Para aquela emergência em que é necessário dinheiro físico.

5. Gasto Livre

Para gastar com o que quiser! Essa categoria é importante tanto para crianças como para adultos. A leitura seria mais ou menos assim: “Poupei, paguei todas as minhas coisas, agora vou usar uma parte para o que eu quiser”

Vale lembrar que estamos falando de educação financeira para crianças e adolescentes, por isso é muito importante que os pais e/ou responsáveis monitorem esses gastos e utilizem essa limitação dos gastos em categorias como uma ferramenta para instruí-los a gastar com consciência. Além do equilíbrio, a categorização de gastos é importante para sabermos onde o dinheiro está sendo gasto, o que pode ser eliminado e se existe algum plano de ação a fazer referente ao comportamento de consumo.

Considerando ainda que o consumo dividido em categorias pode alertar para outros comportamentos das crianças que precisam de atenção, como por exemplo: “Será que gastos excessivos com delivery não escondem uma ansiedade? E qual o impacto futuro em comer com frequência alimentos industrializados?” ou “Será que o consumo em entretenimento somente com videogame, não mostra que a criança precisa socializar mais? Sair de casa para ir num cinema ou teatro?”

Acredite! Existem sentimentos por trás dos nossos gastos. Já parou para pensar nisso?

Confira o vídeo no canal da Mozper o vídeo dedicado especialmente sobre a relação entre as emoções e o dinheiro.

Categorias de Gastos para ensinar Educação Financeira para Crianças e Adolescentes

Quanto antes todas as áreas da vida são apresentadas para a criança, antes elas entendem a importância do equilíbrio.

Conheça mais sobre como a Mozper promove a educação financeira para crianças e adolescentes na era digital.

Editor Mozper
por Somos a equipe de produto e marketing da Mozper Brasil e criamos conteúdos para acompanhar nossos usuários na educação financeira de seus filhos.
Veja dicas para um ano de sucesso financeiro
15 janeiro

Veja dicas para um ano de sucesso financeiro

Editor Mozper
por Editor Mozper 2 minutos de leitura
ler mais
Saiba como economizar no Natal com seus filhos
18 dezembro

Saiba como economizar no Natal com seus filhos

Editor Mozper
por Editor Mozper 2 minutos de leitura
ler mais
Você sabe por que o símbolo da poupança é um porquinho?
6 dezembro

Você sabe por que o símbolo da poupança é um porquinho?

Editor Mozper
por Editor Mozper 2 minutos de leitura
ler mais